ISKN SLATE: A LOUSA QUE TRANSFERE SEUS DESENHOS DIRETO PARA O COMPUTADOR

Mais fácil que ter uma Wacom ou uma caríssima Cintiq 22HD Touch com a mesma facilidade que você faz num papel?

Sim finalmente ela chegou! Vai dizer que você que tem uma Wacom já não tentou colocar um papel em cima para desenhar e ver se ela copiava seu traços diretamente para o computador e você acaba frustado porque ela não faz exatamente o que você esperava. Chegou a nova solução para facilitar a vida dos designers, o quadro negro da iSKN?


ISKN Slate digitaliza seus desenhos de papel em tempo real usando ímãs

Nem tudo é perfeito. No início deste ano, eu  testei um monte de produtos de digitalização, como a linha da Livescribe de Smartpens e o conjunto de escrita inteligente da Moleskine. Equipados com canetas e papel de rastreamento pontilhado especial, todos eles trabalharam perfeitamente para transcrever minha caligrafia de papel em texto digital, e também convertem sobre alguns doodles. Ainda que eu fantasia-se um produto que fosse feito especificamente para artistas, um dispositivo que trabalharia como uma tablet gráfico e que me deixa-se desenhar em papel real. Depois de experimentar o iSKN Slate, que prometeu fazer exatamente isso, fiquei pensando: "Por que eu queria isso?"

O Slate é um tablet que digitaliza seus desenhos em papel, usando anéis magnéticos que você se encaixa em uma caneta ou lápis. O tablet acompanha os movimentos do anel usando ímãs para criar uma réplica digital do seu desenho em seu aplicativo nativo, Imagink, que funciona para iPads, PCs e Macs.


Originalmente lançado no Kickstarter em 2013, a francesa iSKN fez o lançamento ( do então chamado iSketchnote) e lançou o primeiro "protótipo" Slate em 2015 depois de levantar perto de US $ 350.000 ou seja, 10 vezes seu objetivo original. Mas, infelizmente, como a maioria dos Kickstarters, o que parece ser uma ideia engenhosa em teoria nem sempre produz os resultados mais polidos. Percorrendo a página de comentários dos apoiadores você encontrará queixas sobre os buggy da Slate, pontos cegos e problemas com a detecção de caneta. Desde então, a empresa atualizou seu produto com o novo Slate 2, que será vendido no varejo por US $ 169 quando começar a ser lançado em 21 de novembro 2016. Infelizmente, eu presenciei em muitos dos mesmos problemas quando tentei utilizar o novo Slate.

Para começar, aqui está uma foto de um esboço que desenhei com lápis em papel.

Como podem ver os lugares onde o lápis para e "arrasta" no papel, então você não está necessariamente criando uma réplica exata do seu desenho como uma varredura. Porque a tecnologia utiliza ímãs, a lousa é consideravelmente inconstante e advertem para manter objetos magnéticos longe dela durante o uso e desencoraja mesmo os usuários de extrair alguma coisa de um tablet de metal. O anel magnético, enquanto uma ideia nova que permite que ele seja montado em suas próprias canetas e lápis, atualmente só vem em um tamanho, então terá que ter sorte para sua ferramenta de desenho de sua preferência não seja muito grosso para caber um anel. O anel também tem que ser colocado exatamente na posição correta no lápis para que o aplicativo saiba quando criar linhas. Às vezes, eu encontrei alguns problemas como a obtenção do tablet para reconhecer quando eu estava desenhando. Também não há sensibilidade à pressão, embora o desenho rápido resulte em linhas mais espessas. E o Slate vem com dois clipes para segurar o papel no lugar enquanto você desenha - por isso, se o papel se move, o desenho na tela pode revelar um pouco do esboço.

A aplicação Imagink pode exportar o seu desenho para ficheiros como JPG, PNG, SVG, PSD e MP4 (pode reproduzir o seu processo de desenho) e existe um pequeno recurso que permite armazenar desenhos no tablet e exibi-los no ecrã. Porém, você não pode usar o Slate com outros programas como Photoshop ou Illustrator ainda ( então para que serve?)

Então, quem é o público da iSKN? Possivelmente crianças cujos pais não confiam neles com iPads, ou hobbyists que querem cópias digitais ligeiramente diferentes de seus desenhos em papel. Para artistas profissionais que querem a experiência mais próxima de desenho em papel possível, usando um Cintiq com um protetor de tela texturizada ainda é sua melhor aposta. Ou apenas obter um scanner.

Uma puta ideia que foi desperdiçada e que poderia revolucionar e melhorar a qualidade e rapidez de artistas e designers fazendo um produto realmente inovador. Infelizmente a empresa parece que não tem conhecimento para consertar e melhorar o produto, ou vai levar muito tempo para corrigir e será engolida pelos monopólios da tecnologia.

Por enquanto para os humildes designers é melhor continuar na sua velha Wacom e continuar sonhando com uma Cintiq. 

Para ver uma demonstração do iSKN em ação


<iframe allowfullscreen="" frameborder="0" height="270" src="https://www.youtube.com/embed/GsISf9JTUOY" width="480"></iframe>

FONTE ADAPTADA: The Verge

Nenhum comentário:

Postar um comentário

linkwithin_text='Você pode gostar também:' Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...