PROJETO COMUNITÁRIO



O Projeto Comunitário é uma matéria obrigatória a partir do 5º período de qualquer curso oferecido pela  Pontifícia Universidade Católicado do Paraná -  PUCPR, com ideais e os valores dos Irmãos Marista, propõem o trabalho voluntário aos jovens e futuros formandos a  aprender e valorizar a cidadania, a caridade e benovolência ao próximo.

Tudo começa com os coordenadores  do projeto comunitário indo visitar as salas, avisando a data da palestra obrigatória com duração de 4 horas. Neste dia não comparecemos a aula. Confesso que a palestra  inicialmente parecia ser entediante um sr. aparentemente de 80 anos com uma cara ferrruscada, chega se apresentar, e pergunta a alguém da enorme platéia se se dispõem, a contar um pouco de sua vida. A primeira pessoa que ele pergunta lhe diz um NÃO! Então o clima fica tenso,  ele crítica a atitude das pessoas em relação ao ajudar numa simples tarefa de responder alguns de seus questionamentos,então novamente se dirige a outra pessoa e pergunta que lhe responde de imediato se dispõem a ajudar. Então começa uma descontraída apresentação, para alivio de muitos, mas  aquilo tinha sido proposital para quebrar o gelo sobre o tema, então ao final vem vídeos e demonstrando do objetivo do projeto comunitário.

Após a palestra agora só faltam completar as 30h obrigatórias do projeto. Com existe uma data determinada  para a realização das inscrições do Projeto Comunitário, eu e mais uns colega ja nos inscrevemos para realizar já neste ano mesmo; mesmo sabendo  que o projeto poderá ser feito até o último ano antes da formatura. Preferi realizar de uma vez, já que não tem escapatória mesmo.

Embora seja uma atividade em que você não terá nenhum privilégio; isto é, não terá beneficio de transporte para se deslocar a instituição desejada,  terá que fazer em horários alternativos em que não esteja na Universidade ou trabalhando, e ainda não ter o direito escolher direito um instituição desejada pois só poderá se inscrever nas instituições as cadastradas pela PUC, que geralmente ficam na contramão de onde você mora ou trabalha.

Mas  pelo ponto de vista humano e profissional é muito importante, principalmente para um designer, já que todo seu conhecimento é voltado para o ser humano, tudo é feito para as massas, nada mais conveniente aprender a conviver com diferentes realidades e os  diferentes públicos para entender como elas vivem, e o que elas acham do futuro, e qual é a sua perspectiva de vida.

Neste final de semana foi  realizada a  reunião de planejamento do Projeto Comunitário no local onde eu irei atuar como voluntário. Darei atividades na Oficina de Sucata no Centro Educacional Infantil David Carneiro no Xaxim, durante o final do ano. A reunião foi bem tranquila, embora o público a ser lecionado assustou alguns. Entrei comprimentei alguns colegas e assinei a lista de presença,  depois ganhei uma mensagem com com um chocolatinho de caixa de bombom, e ouvi os procedimentos para lidar com os pequenos. Como é uma escola municipal ela atende uma grande comunidade carente do Xaxim em Curitiba, então é natural pelo meio que elas estão permeadas falarem palavras de termos chulo, expressões perjorativas, e atitudes as vezes agressivas. Fomos instruídos a dar as aulas sem muito compromisso já que as crianças são dispersas e simplesmente vão a escola para as atividades culturais e recreação, ao invés de ficarem vadiando na rua.

Agora é só esperar para ver o resultado!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

linkwithin_text='Você pode gostar também:' Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...