MINI ESTÚDIO


Tem dias que o tempo não está bom para tirar fotos….Mesmo durante a manhã ou à tarde , basta ter algumas nuvens a mais que a foto não sai como tínhamos planejado. É nessa hora que apelamos para o flash. O problema é que dependendo da intensidade e do tipo de material do objeto fotografado, a foto acaba “estourando”, tendo aquele brilho super artificial.
Para essas situações, o mini-studio é de grande utilidade. O segredo dele é criar um ambiente de luminosidade uniforme, eliminando o máximo possível de sombra e focos de luz indesejados. É bem fácil de fazer, basta uma caixa de papelão, cartolina branca, papel vegetal, cola e fita adesiva!

Segue as instruções do blog strobist, com algumas alterações: na parede da caixa, foi papel vegetal e, para a tampa, foi feita uma tela removível, que pode ser posicionada de acordo com o ângulo da foto.
O mais bacana é o fundo: com a cartolina é possível criar aquele efeito de “infinito”, porque ela esconde as emendas internas da caixa. Para fixar o pano de fundo, foram utilizados 12 imãs: 6 fixados fora da caixa com fita adesiva e 6 segurando a cartolina ou tecido do lado de dentro.

Depois é só reunir os abajures e luminárias da casa =)…e tirar a foto!
Se o flash da sua câmera ainda estiver “estourando” a foto, uma solução é colocar um papel sulfite na frente dele para espalhar mais a luminosidade.
O resultado:

Para dar o retoque final, utilizo o picnik, um site para edição de imagens com uma interface bem simples!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

linkwithin_text='Você pode gostar também:' Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...